Boletim de notícias – Trevys FIDC

//Boletim de notícias – Trevys FIDC

Boletim de notícias – Trevys FIDC

By |2021-02-12T15:57:45-03:0012/02/2021|News|0 Comments

Mercado estima aumento de inflação e crescimento menor neste ano

A expectativa de inflação para este ano aumentou, enquanto a perspectiva de crescimento da economia brasileira reduziu, de acordo com a pesquisa Focus divulgada pelo Banco Central nesta semana. O levantamento mostrou que a projeção para a alta do IPCA em 2021 subiu pela quinta semana seguida, chegando a 3,60%. Para 2022, a estimativa diminuiu em 0,01 ponto percentual, a 3,49%. O centro da meta oficial para a inflação em 2021 é de 3,75%, e para 2022 é de 3,50%. Para o PIB, a estimativa de crescimento em 2021 caiu a 3,47%, permanecendo em 2,50% para o ano que vem. A pesquisa mostrou ainda que o cenário para a taxa básica de juros não mudou, com a Selic sendo calculada em 3,50% este ano e em 5% para 2022.

 

Crédito para pessoa física tem alta nos juros em janeiro

As linhas de crédito para pessoa física registraram alta na taxa de juros no primeiro mês do ano. É o que aponta pesquisa divulgada pela Anefac (Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade). O levantamento mostra que houve elevação de 0,9%, passando para 5,61% ao mês (92,51% ano). Outra pesquisa, do Procon-SP, aponta que a taxa média dos bancos pesquisados na modalidade do empréstimo pessoal se manteve estável em fevereiro: 6,08% ao mês. No ano, o percentual é de 103,05%.

 

Apesar da pandemia, vendas do comércio varejista crescem 1,2%

As vendas do comércio varejista fecharam 2020 com crescimento de 1,2% na comparação com o ano anterior, segundo divulgou nesta semana o IBGE. Foi a quarta alta anual consecutiva do setor, mas a taxa mais fraca do período. Em dezembro, houve queda de 6,1% em relação a novembro. 

 

Turismo e serviços levam tombo em 2020

O índice de atividades turísticas despencou 36,7% em 2020 em comparação com 2019, segundo o IBGE. O instituto também divulgou queda considerável do setor de serviços: 7,8%, a mais intensa da série histórica da pesquisa, iniciada em 2012.

 

Inflação da construção civil acelera 1,99%

A inflação medida pelo Índice Nacional da Construção Civil (Sinapi) acelerou para 1,99% em janeiro, após avanço de 1,94% em dezembro. O indicador acumula alta de 12,01% em 12 meses. Em 2020, a inflação na construção civil finalizou com taxa anual de 10,16%.