Anbima passa a divulgar taxas indicativas diariamente

//Anbima passa a divulgar taxas indicativas diariamente

Anbima passa a divulgar taxas indicativas diariamente

By |2021-11-08T23:50:20-03:0008/11/2021|Antecipação de Recebíveis|0 Comments

A Anbima (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiros e de Capitais) começou a divulgar diariamente as taxas indicativas e de compra e venda de FIDCs (Fundos de Investimento em Direito Creditório).

Os dados, que ainda incluem os preços unitários dos papéis, ficam disponíveis no site da entidade a partir das 20h.

O objetivo é trazer transparência e fomentar a liquidez dos fundos, que se caracterizam por ter, no mínimo, 50% do seu patrimônio líquido formado por direitos creditórios provenientes de operações de empresas do varejo, indústrias, imobiliário, serviços e instituições financeiras, entre outras.

De acordo com a Anbima, o volume de ofertas públicas dos FIDCs atingiu o maior patamar dos últimos seis anos, com R$ 42,6 bilhões emitidos até setembro, em 335 operações.

Em 2020, o total movimentado foi de R$ 33,8 bilhões.

Neste primeiro momento, estão sendo fornecidos os dados de dez cotas selecionadas pela Comissão de FIDCs da Anbima. A intenção é ir aumentando a quantidade nos próximos meses.

taxas indicativas

Taxas indicativas de FIDCs passam a ser divulgadas diariamente pela Anbima

“Além das emissões primárias, o mercado secundário de FIDCs tem crescido substancialmente nos últimos anos. A precificação desses ativos deve estimular ainda mais as negociações”, afirma Hilton Notini, gerente de Preços e Índices da Anbima, destacando os benefícios da novidade.

“As informações geradas auxiliam nas negociações de compra e venda das cotas desses fundos e, consequentemente, contribuem à promoção da liquidez”.

A entidade já fornecia diariamente a precificação de títulos públicos federais, Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRIs) e Certificados de Recebíveis do Agronegócio (CRAs) e debêntures.

Os valores divulgados são obtidos por meio de coleta diária de informações com associados.

 

No ano passado, a Anbima começou a publicar o Relatório de Precificação todos os dias, com o intuito de trazer mais transparência à atividade de precificação de títulos públicos e privados.

O informe complementa a divulgação das taxas indicativas médias desses ativos em mercado, também realizada diariamente.

Características do FIDC

No FIDC, os rendimentos variam, podendo ficar acima de 100% do CDI (taxa de referência para investimentos de renda fixa). A Trevys Capital, por exemplo, trabalha com CDI + 5% ao ano na cota sênior.

Uma das regras desse tipo de fundo é que apenas investidores considerados qualificados – que tenham experiência no mercado financeiro – podem fazer aportes.

Por isso, é fundamental investir em um FIDC com boa reputação. Como os fundos possuem classificação por agências de risco, é possível pesquisar para ter mais segurança na hora de escolher a gestora.